• jornalismo42

Preço das carnes varia quase 300% em Belo Horizonte

As variações nos preços das carnes continuam muito altas e as diferenças estão sendo sentidas pelos consumidores. O preço varia quase 300% em Belo Horizonte. As informações fazem parte da pesquisa feita pelo Mercado Mineiro.

O economista e diretor do Mercado Mineiro, Feliciano Abreu, afirma que, hoje, um quilo de Filé Mignon, por exemplo, tem uma variação de 138%, custando de R$49 até R$119.

"Já o quilo da Maminha custa de R$38,49 até R$89,95. A diferença é de 133%. A Picanha custa de R$49,99 até R$189, uma diferença de 278%", explicou à Rádio Itatiaia.

Nas carnes suínas, também houve diferenças bem significativas: o quilo de Bisteca custa de R$11,99 até R$44,95, uma diferença de 274%.

"O quilo da Costelinha custa de R$14,95 até R$34,95, uma diferença de 130%. O Frango também sofre grande variação. O pé de frango de R$4,55 o quilo até R$10,99, uma diferença de 141%", afirmou.

O quilo do peito resfriado varia de R$11,99 até R$21,90 com uma diferença de 82%. Os preços também subiram em relação ao mês passado. "O quilo de Maminha, por exemplo, que era R$45, 66 em média, subiu para R$46,32, um aumento de 1,44%. A Alcatra subiu de R$48,50 para R$49.54, um aumento de 2,15% em um mês", apontou.

O Copa Lombo, por exemplo, passou de R$16,89 para R$17,23, um aumento de 2%. Já o Lominho Filé R$19,66 passou para R$20, um aumento de 1,74%.

A pesquisa completa está disponível no site Mercado Mineiro.



0 comentário