• jornalismo42

Greve do metrô de BH é suspensa e serviço volta a funcionar normalmente

A greve dos metroviários de Belo Horizonte foi suspensa e o metrô voltou a funcionar em horário normal a partir desse domingo (9). A decisão foi tomada em assembleia do Sindicato dos Empregados em Transportes Metroviários e Conexos de Minas Gerais (Sindimetro-MG) na tarde desta sexta-feira (7).

A greve seguirá paralisada, ao menos, até a próxima assembleia da categoria, no dia 17 de janeiro. Os trabalhadores organizaram as escalas para voltar ao trabalho nos horários usuais a partir de 0h desse domingo, quando, de acordo com a CBTU, o metrô voltou a ficar aberto das 5h15 às 23h, com todas as 19 estações em funcionamento. De acordo com o Sindimetro, os trabalhadores seguem esperando a resposta da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) às reivindicações enviadas na última terça (4) e a paralisação foi suspensa para uma reorganização do movimento.

A resposta da CBTU deve ser entregue aos trabalhadores até esta terça, dia 11 de janeiro, conforme determinado na audiência no Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região (TRT-3).

Os trabalhadores do Metrô de Belo Horizonte iniciaram a greve em 23 de dezembro e, nos últimos 17 dias, o serviço funcionou em escala mínima. A principal reivindicação dos metroviários é a revogação de uma resolução do governo federal que impede a transferência dos funcionários lotados em BH para outras unidades da CBTU.

Em nota, a CBTU informa que as demandas relativas à resolução do governo federal são conduzidas pelos ministérios da Economia e do Desenvolvimento Regional, e a Superintendência de Belo Horizonte não tem qualquer ingerência sobre o processo.



0 comentário