• jornalismo42

BH vai ter repescagem, nesta segunda e terça, para vacinação de crianças

No 1º dia de vacinação de crianças de 11 a 5 anos contra a Covid-19, 2.843 doses foram aplicadas em Belo Horizonte, conforme informado pelo município neste domingo (16).

A vacinação dos pequenos foi realizada nesse sábado (15) para crianças com comorbidades, deficiência permanente, indígenas ou quilombolas. Nesta segunda (17) e terça-feira (18) será realizada a ação de repescagem.

As vacinas serão aplicadas em nove escolas municipais da capital, uma em cada regional da cidade. Os responsáveis pelas crianças devem ficar atentos: na segunda, as aplicações serão feitas das 10h às 16h. Na terça-feira, das 9h às 16h.

Veja quais são os endereços de vacinação para crianças em BH, clicando aqui.

A vacinação de crianças acamadas ou com mobilidade reduzida vai começar também nesta segunda. As famílias quem têm cadastro nos centros de saúde serão procuradas pelas equipes de saúde para agendamento.

Caso não tenha cadastro, os pais ou responsáveis podem entrar em contato com a unidade mais próxima para agendar a imunização.

Clique aqui e veja os endereços.


Veja as orientações para a vacinação:

  • Nessa primeira fase, a dose será aplicada em crianças com comorbidades, deficiência permanente, indígenas ou quilombolas de 11 a 5 anos, completos até a data da vacinação

  • Nos dias de repescagem, a criança com comorbidades, deficiência permanente, indígenas ou quilombolas, deve estar acompanhada de pais ou responsáveis

  • É necessário apresentar documento de identificação com foto ou certidão de nascimento, CPF, comprovante de endereço e cartão de vacina

  • Caso o acompanhamento seja por terceiros, haverá a necessidade de apresentar o termo de autorização de para vacinação, disponibilizado no portal da Prefeitura, devidamente preenchido e assinado pelos pais ou responsáveis


Confira o cronograma dos próximos dias:

  • Dia 17/01, segunda-feira: início da aplicação da primeira dose para crianças acamadas ou com mobilidade reduzida de 11 a 5 anos completos, até a data da vacinação. A imunização será feita em domicílio; neste dia não haverá aplicação de vacina para nenhum outro grupo prioritário ou faixa etária. As equipes de saúde estarão empenhadas na aplicação de vacina das crianças acamadas ou com mobilidade reduzida;

  • Dia 18/01, terça-feira: aplicação da primeira dose para crianças acamadas de 11 a 5 anos completos, até a data da vacinação. A imunização será feita em domicílio; neste dia não haverá aplicação de vacina para nenhum outro grupo prioritário ou faixa etária. As equipes de saúde estarão empenhadas na aplicação de vacina das crianças acamadas ou com mobilidade reduzida;

  • Dia 19/01, quarta-feira: dose de reforço para pessoas de 53 e 51 anos, cuja data da segunda dose tenha completado 4 meses. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade e CPF;

  • Dia 20/01, quinta-feira: dose de reforço para pessoas de 49 anos, cuja data da segunda dose tenha completado 4 meses. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade e CPF; dose de reforço para pessoas de 19 anos, vacinadas com a CoronaVac, cuja data da segunda dose tenha completado 4 meses. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade e CPF;

  • Dia 21/01, sexta-feira: dose de reforço para pessoas de 18 anos, vacinadas com a CoronaVac, cuja data da segunda dose tenha completado 4 meses. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade e CPF; repescagem de dose de reforço para grupos prioritários e faixas etárias já convocados, cuja data da segunda dose tenha completado 4 meses. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade e CPF.


De segunda a sexta-feira a vacinação é das 8h às 17h para pontos fixos e extras, e das 8h às 16h30 para pontos de drive-thru. Já os shoppings funcionam das 13h às 19h30. Os endereços podem ser verificados no portal da prefeitura.




0 comentário